CLUBE DE CAMPO

Sociedade Cultural de Porto Ferreira

Clube de Campo das Figueiras

 

DEPARTAMENTO DE ESPORTES

 

 

R E G U L A M E N T O

 

  1. PROMOÇÃO E OBJETIVOS

 

Art. 1.º – O 1º CAMPEONATO DE FUTSAL LIVRE IDADE 2017 é uma promoção da S. C. P. F. Clube de Campo das Figueiras.

Art. 2.º – O objetivo do evento é promover o intercâmbio esportivo, bem como contribuir para a socialização, entretenimento e atividades esportivas entre os seus participantes, de maneira saudável e respeitável além de estimular a prática do futebol de salão.

 

  1. DA ORGANIZAÇÃO E DIREÇÃO

 Art. 3.º – Os participantes do 1º CAMPEONATO DE FUTSAL LIVRE IDADE 2017 obedecerão às disposições deste Regulamento e das demais legislações em vigor.

Art. 4.º – A Organização deste certame caberá a uma Comissão Executiva Esportiva que cumprirá e fará cumprir este Regulamento, coordenado pelo DEPARTAMENTO DE ESPORTES DO

CLUBE DE CAMPO DAS FIGUEIRAS sob supervisão do Coordenador de Esportes.

 

  • 1 – As datas para as competições serão determinadas pelo Departamento de Esportes e informadas através da mídia (jornal, sites, páginas de relacionamento) e boletins que serão fornecidos para os representantes legais das equipes.

 

  • 2 – No dia da abertura do campeonato será realizada uma cerimônia com as duas equipes da primeira partida, haverá o hasteamento das bandeiras e a execução do Hino Nacional. Essa cerimônia tem por objetivo formalizar o início do campeonato bem como mostrar a sua seriedade e compromisso com o associado.

 

  • 3 – Para melhor comunicação entre o DEPARTAMENTO DE ESPORTES e as equipes, será disponibilizado um grupo no aplicativo WHATSAPP onde nele deverão constar todos os tipos de informações, como substituição de jogadores, informativos sobre o tempo climático, horários, etc. No grupo estará apenas o representante de cada equipe. Cabendo ele direcionar todos os fatos aos seus jogadores.

Art. 5.º – A Direção do certame também será exercida pela Comissão Executiva Esportiva.

 

III. DOS PARTICIPANTES E REGRAS DO JOGO

 Art. 6.º – As equipes que vierem a participar do 1º CAMPEONATO DE FUTSAL LIVRE IDADE 2017, serão consideradas conhecedoras das leis e regras da modalidade (CBFS – Confederação Brasileira de Futebol de Salão), bem como deste regulamento, e assim, se submeterão, sem reserva alguma, a todas as conseqüências que dele possam emanar. Salvo as alterações que se necessário serão anexadas a este documento.

Art. 7.º – Somente poderão participar deste Campeonato os atletas que estiverem devidamente inscritos no certame.

 

  • 1 – Somente poderão participar do certame atletas associados e em dia com a taxa de manutenção. No não cumprimento desse artigo, acarretará na perda dos pontos da equipe infratora para a equipe adversária (não serão computados os gols da partida) e o atleta, em questão, fica suspenso por uma partida. Na reincidência, o caso será julgado pela Comissão Executiva Esportiva.

 

  • 2 – Serão considerados pela Comissão Executiva Esportiva os atletas aptos a pratica esportiva e responsáveis pelo seu estado físico de saúde através de assinatura da ficha de inscrição, isentando assim o clube de quaisquer problemas de saúde que este atleta possa vir a ter no decorrer das partidas.

 

  1. DAS INSCRIÇÕES

 

Art. 8.º – As inscrições das equipes deverão ser feitas através de formulário próprio fornecido pelo Departamento de Esportes, devidamente preenchida, e com as assinaturas de atletas e dirigentes. Poderão ser inscritos no máximo 15 atletas, 1 Representante, 1 Técnico e 1 Auxiliar Técnico. Lembrando que o representante, técnico ou auxiliar técnico, se forem atletas, também deverão constar na lista dos jogadores. Somente atletas acima de quinze (15) anos de idade completos.

 

  • Único – Fica de total responsabilidade do representante da equipe a organização de documentos, inscrições de seus atletas bem como informar sua equipe sobre o regulamento, não cabendo a outros recursos ou reclamações que não forem feitas através deste representante legal.

 

Art. 9.º – A equipe tem o direito de substituir um atleta caso esse venham sofrer algum tipo de lesão ou doença que o impedirá de continuar na competição, mediante a apresentação de um atestado médico, atestado de fisioterapia ou justificativa plausível através de e-mail, carta, etc. Esse atleta substituído estará automaticamente excluído da competição. A equipe deverá justificar, através de um requerimento, da substituição junto a Comissão Executiva no prazo de 48 horas antes da partida. Válido somente até a última partida da primeira fase da competição.

 

Art. 10.º – O atleta inscrito por uma equipe, não poderá disputar por outra neste certame, em nenhuma das fases, mesmo que sua equipe tenha sido desclassificada. Se isso ocorrer, tanto o atleta, quanto a equipe serão eliminados.

 

  • 1 – Poderão ser inscritos novos atletas, até a última partida da primeira fase da competição. Para inscrição de novos atletas, a equipe deverá encaminhar ao Departamento de Esportes um requerimento através de e-mail no prazo de 48 horas antes da partida.

 

  • 2 – Poderão ser substituídos por novos atletas, aqueles que não comparecerem em nenhuma das partidas até a ultima partida da primeiro fase. O atleta substituído não poderá se inscrever por outra equipe. Se isso ocorrer, tanto o atleta, quanto a equipe serão eliminados.

 

Art. 11.º – A equipe que participar com atleta inscrito irregular, ou não inscrito, acarretará na perda dos pontos da equipe infratora para a equipe adversária e o atleta, em questão, fica suspenso por uma partida. Na reincidência, o caso será julgado pela Comissão Executiva Esportiva.

 

 

  1. DO SISTEMA DE DISPUTA

 

Art. 12.º – A primeira fase do 1º CAMPEONATO DE FUTSAL LIVRE IDADE 2017, será disputado em turco único (todos contra todos). Os oitos primeiros colocados da chave geral avançam para a segunda fase (quartas de final).

Art. 13.º Na segunda fase (quartas de final) as equipes que ficarem entre o primeiro e o quarto lugar jogam pelo empate. Sendo assim, nos confrontos da segunda fase, em partida única, são:

PARTIDA 1 – 1º colocado X 8º colocado  (1º colocado joga pelo empate)

PARTIDA 2 – 2º colocado X 7º colocado  (2º colocado joga pelo empate)

PARTIDA 3 – 3º colocado X 6º colocado  (3º colocado joga pelo empate)

PARTIDA 4 – 4º colocado X 5º colocado  (4º colocado joga pelo empate)

Obs. O horário das partidas serão definidos através de sorteio. Todos os jogos serão disputados no sábado.

Art. 14.º – Os vencedores da segunda fase avançam para a terceira fase (semifinais) do campeonato, em partida única. Nessa fase as equipes entram em igualdade de resultados e no caso de empate, as partidas serão definidas nos pênaltis. Seqüência de cinco (05) pênaltis, caso permaneça empatado, cobrança alternada até a definição da partida. Sendo assim, os confrontos são:

PARTIDA 5 – Vencedor PARTIDA 1 X Vencedor PARTIDA 4

PARTIDA 6 – Vencedor PARTIDA 2 X Vencedor PARTIDA 3

Obs. O horário das partidas serão definidos através de sorteio.

Art. 15.º – Os vencedores da terceira fase avançam para a quarta fase (final). Nessa fase as equipes entram em igualdade de resultados e no caso de empate, as partidas serão definidas nos pênaltis. Seqüência de cinco (05) pênaltis, caso permaneça empatado, cobrança alternada até a definição da partida. As equipes que perderem na terceira fase disputam o terceiro colocado na terceira fase (finais). Sendo assim, os confrontos da quarta fase são:

PARTIDA 7 – Vencedor PARTIDA 5 X Vencedor PARTIDA 6   = final

PARTIDA 8 – Perdedor PARTIDA 5 X Perdedor PARTIDA 6   =  disputa de 3º lugar

 

 

  1. DOS JOGOS

 Art. 16.º – Para o bom andamento da competição não será aceito mudança da troca de horários de jogos. Salvo casos extremos que serão analisados pelo DEPARTAMENTO DE ESPORTES.

 

  • 1 – As partidas serão realizadas aos sábados (tarde) conforme tabela da competição. Em caso de chuva as partidas estarão, automaticamente, remarcadas para o domingo (manhã). Caso chova nos dois dias, a rodada é cancelada e será remarcada.

 

  • 2 – Os jogos terão início nos horários fixados na tabela, sendo admitida tolerância de 15 (Quinze minutos) a partir do horário constante na tabela, para início da primeira partida da rodada.

 

  • 3 – A equipe que não se apresentar para o jogo, devidamente uniformizada (camisas, calção e meias com números não repetidos), e no horário estabelecido em tabela, perderá por W.O.

 

  • 4 – O número mínimo de atletas, dentro de campo, para iniciar a partida é 03 (três), caso contrário será considerado W.O.

 

  • 5 – Quando uma equipe, ou ambas, ficarem reduzidas a menos de 03 (três) atletas, seja por qualquer motivo, a partida deverá ser encerrada imediatamente.

Art. 17.º – O “mando” dos jogos pertencerá sempre à equipe relacionada primeiro na tabela, cabendo a equipe adversária a responsabilidade da troca de camisas em caso de coincidência de cores. A equipe de melhor campanha ficará sempre na primeira parte da tabela.

  • Único – O prazo para a troca dos uniformes será de 15 minutos sobre o horário marcado para o início da partida, findado este prazo a equipe será considerada perdedora por W.O.

Art. 18.º – O Arbitro poderá autorizar o início de uma partida, onde as cores dos uniformes forem semelhantes, se julgar conveniente.

Art. 19.º – As partidas só poderão ser suspensas ou adiadas por motivos de força maior ou algum caso extremo, tais como falecimento, chuvas, falta de energia elétrica, etc.

  • Único – As partidas suspensas ou adiadas serão marcadas em dia e horário designados pela Organização.

Art. 20.º As partidas terão duração de 40 minutos divididos em 2 tempos de 20 minutos. O tempo de jogo é corrido. Somente ao minuto final de cada tempo, o cronometro é parado até que seja reiniciado a partida.

Art. 21.º – Os protestos, devidamente fundamentados, deverão ser encaminhados ao Delegado da partida ou Departamento de Esportes devidamente preenchido pelo representante da equipe, num prazo máximo de 48 horas após o término da partida, pois não serão apreciados os protestos que não forem firmados pela parte que julgar-se diretamente prejudicada.

  • Único – Os protestos serão encaminhados a Comissão Executiva que serão apreciados, no prazo máximo de 72 horas (3 dias) após a partida. O resultado da deliberação do protesto será divulgado pelo Departamento de Esporte até 48 horas antes da próxima partida.

 VII. DA CLASSIFICAÇÃO

Art. 22.º – Para efeito de classificação, adotado o sistema de turno e returno completo simples, a contagem de pontos será a seguinte:

 

 

  1. vitória: 03 pontos;
  2. empate: 01 ponto;
  3. derrota: 0 ponto;

Art. 23.º – Quando ocorrer o W.O. por parte de uma equipe, a equipe será desclassificada, perderá seus pontos (zerados) e as equipes que obtiverem resultados de vitória sobre esta equipe perderá somente estes pontos. Os atletas faltosos serão suspensos e será aguardado a manifestação da Comissão Executiva. Os atletas presentes, da equipe que deu W.O., deverão entrar em campo e assinar a sumula para atestar o seu comparecimento.

 

  • Único – Os gols sofridos nas partidas anteriores ao W.O. não serão computados para premiar o artilheiro e também para critérios de desempate.

 Art. 24.º – Ao término da primeira fase, será conhecido como primeiro lugar , a equipe que somar o maior número de pontos ganhos dentro do seu grupo e como segundo lugar a equipe imediatamente, na ordem decrescente.

Art. 25.º – Quando adotado o sistema de turno único, no caso de 02 (duas), 03 (três) ou mais equipes terminarem empatadas na soma de pontos ganhos, na primeira fase, o critério de desempate será a seguinte:

 

 

  1. confronto direto;
  2. maior número de vitórias;
  3. maior saldo de gols;
  4. menor número de cartão amarelos;
  5. menor de cartões vermelhos;
  6. maior número de gols marcados;
  7. menor número de gols sofridos;

VIII. DA PREMIAÇÃO

 Art. 26.º – Serão realizadas as seguintes premiações:

  • Equipe Campeã – troféu + medalhas
  • Equipe Vice-Campeã – troféu + medalhas
  • Equipe 3º lugar – troféu +medalhas
  • Equipe 4º lugar – troféu
  •  
  • Artilheiro Geral da competição (Troféu)
  • Troféu Fair Play (equipe mais disciplinada da competição – só concorrerão ao troféu Fair Play as equipes que chegarem até a Fase 2 da competição)
  • Troféu Melhor goleiro da competição
  • Troféu Melhor jogador da competição
  • Troféu Melhor jogador/goleiro da final

 

  1. DAS PUNIÇÕES

 Art. 27.º – Todas as infrações cometidas neste certame serão apreciadas e julgadas pela Comissão Executiva, baseando-se no Código Brasileiro de Justiça e Disciplina Esportiva e no Estatuto Social (Código Disciplinar) do clube.

Art. 28.º – As penalidades serão aplicadas em grau de:

 

 

  1. advertência;
  2. suspensão;
  3. eliminação.

1 – As infrações cometidas durante as partidas, caso resultar em relatórios, tanto da arbitragem quanto do delegado da partida, serão apreciadas pela Comissão Executiva afim de julgar o ocorrido.

 

  • 2 – As respostas da Comissão Executiva serão enviadas para o representante da equipe e o mesmo deverá repassar ao atleta punido. A equipe cujo atleta foi penalizado poderá entrar com recurso defensivo em, no máximo, 48 horas após receberem a notificação que será enviada através de e-mail do Departamento de Esportes. O recurso de defesa será analisado pela Comissão Executiva que dará o seu parecer sobre o caso em até 48 horas após o recebimento do recurso de defesa. Caso seja necessário, o atleta punido será convocado para uma reunião para apresentar a sua defesa. Em caso de não comparecimento a reunião, em dia e horário pré determinado, entendemos que o atleta acatou a decisão formada anteriormente. Caso necessite de mais tempo para análise dos recurso, a Comissão Executiva enviará uma notificação para o Departamento de Esportes e o mesmo informará o representante da equipe.

 

  • 2 – Em casos de W.O. ou qualquer outra infração considerada grave, serão enviadas notificações aos atletas, que terão um prazo de quinze (15) dias corridos para apresentar uma justificativa plausível de acordo com o ocorrido. Será contado a partir da data do recebimento da notificação via Aviso de Recebimento (Correios). Após o prazo estipulado, será enviada uma nova notificação com o parecer da Comissão Executiva.

Art. 29.º – Os atletas faltosos por W.O., que não tiverem relacionados em súmula, serão suspensos das atividades desportivas da S. C. P. F. Clube de Campo da Figueiras pelo período a ser determinado, cabendo a Comissão Executiva a decisão das punições.

 Art. 30.º – As decisões da Comissão Executiva serão irrevogáveis e produzirão efeito imediato.

Art. 31.º – Os cartões se segue as regras da (CBFS) Confederação Brasileira de Futebol de Salão (Vide caderno de regras)

 

  • 1 – Cabe às equipes participantes controlar a suspensão automática de seus componentes, não os incluindo na Súmula de Jogo na partida seguinte, sob o risco de perda de pontos.

 

  • 2 – No final da primeira fase os cartões serão zerados. Os atletas que tomarem cartão (3º amarelo ou vermelho) na ultima partida da primeira fase cumpriram suas punições na próxima partida. Nas fases as fases semifinais e finais os cartões amarelos não serão zerados.

Art. 32.º – Os atos de indisciplina, tais como agressões físicas e morais ao adversário, aos membros da organização, aos árbitros e aos funcionários em serviço, serão analisados pela Comissão Executiva e encaminhados à diretoria da S. C. P. F. Clube de Campo da Figueiras, onde serão aplicados os princípios que norteiam o estatuto social.

 

  1. DA ARBITRAGEM

 

Art. 33.º – Fica a cargo do Departamento de Esportes e do Diretor de Esportes a contratação da arbitragem. Em casos de árbitros agredirem física ou verbalmente o atleta, dirigente ou qualquer outro associado, o mesmo, fica suspenso ou expulso das arbitragens do clube dependendo da gravidade do ocorrido.

 Art. 34.º – Os árbitros associados do clube serão SUSPENSOS DO QUADRO DE ARBITRAGEM DO CLUBE. Caso seja necessário, os árbitros serão julgados e as penas aplicadas dentro da competição vigente.

 

 

  1. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

 Art. 35.º – Os promotores e organizadores do Campeonato não se responsabilizarão por acidentes de qualquer natureza ou indenizações aos atletas ou equipes participantes. Todos os participantes serão responsáveis pela sua integridade física. A Comissão Executiva Esportiva entende que todos estão em perfeitas condições de saúde para a disputa do certame.

Art. 36.º – A Comissão Executiva Esportiva será composta por 4 integrantes, onde teremos membros que trabalham na organização do evento e membros do Conselho do clube. Não poderão ter vinculo com nenhuma equipe.

Art. 37.º – Todos os casos omissos neste Regulamento, serão resolvidos pela Comissão Executiva Esportiva.

Art. 38.º – Os atletas que estiverem impossibilitados de participar da competição por motivos de lesão, trabalho ou viagem, justificar através de ofício o Departamento de Esportes, no prazo máximo de 24 horas (1 dia) antes da próxima partida da sua equipe, para evitar possíveis suspensões.

Porto Ferreira, 13 de janeiro de 2017.

 B O A   S O R T E   A   T O D O S   P A R T I C I P A N T E S !